30/01/2018

Coren-PE realizou a primeira interdição ética de 2018

A ação aconteceu no município de Granito, sertão pernambucano.

O Conselho Regional de Enfermagem de Pernambuco (Coren-PE) esteve nesta segunda-feira (29/01) realizando inspeções fiscalizatórias em municípios da IX Geres, sertão pernambucano. Na ocasião estiveram presentes a enfermeira fiscal Dra. Benvida Barros e a assessora jurídica Raíssa Madeira.

O primeiro município a ser visitado foi Moreilândia, que fica localizado a 516 km do Recife. Durante a inspeção foi verificado que a Secretaria de Saúde sanou a irregularidade da ausência de enfermeiros no Hospital Municipal Santa Terezinha, desta forma não houve a interdição.

No município de Granito, distante 522 km da capital pernambucana, através de fiscalizações de rotina, o Coren-PE já havia identificado a ausência de profissional enfermeiro na Unidade Mista Maria Senhorinha de Souza. Sendo assim, a Unidade teve seus profissionais de enfermagem interditados eticamente devido à ausência de enfermeiros durante o período da noite e aos domingos.

“Essa foi a primeira interdição ética realizada em 2018, e enquanto Conselho de Enfermagem nosso objetivo é proteger o técnico e auxiliar de enfermagem, que segundo a legislação só podem exercer sua atividade com a supervisão de um enfermeiro. Desta forma, aguardamos que o quanto antes as irregularidades sejam sanadas para que a população volte a receber uma assistência adequada e de qualidade”, explicou a enfermeira fiscal Dra. Benvida Barros.


Fonte: Ascom Coren-PE