23 de maio de 2024

ImprensaNotícias

Prêmio Ivanete Alves do Nascimento abre oficialmente programação da Semana da Enfermagem do Coren-PE

Premiação vai homenagear profissionais de enfermagem que se destacaram no último ano. A programação da Semana da Enfermagem prevê ainda atividades que serão realizadas em todas as regiões do estado.

Reconhecer e prestar uma homenagem as iniciativas desenvolvidas pelos profissionais de enfermagem do estado. Este é o principal objetivo do Prêmio Ivanete Alves do Nascimento, uma condecoração promovida pelo Conselho Regional de Enfermagem de Pernambuco, em parceria com a categoria. A premiação, que chega à sua 4ª edição, ocorre nesta segunda-feira (13) e marca a abertura oficial da Semana da Enfermagem 2024 do Coren-PE. Na ocasião, serão conhecidos os cinco vencedores deste ano. A cerimônia será realizada no Mar Hotel, em Boa Viagem, zona sul do Recife.

Durante a solenidade, o Presidente do Coren-PE, Dr. Gilmar Júnior, ficará responsável pela palestra magna que abre o evento. Em seguida, serão conhecidos os cinco profissionais condecorados com o prêmio, quatro através de escolha e voto popular e um por indicação do Plenário do Coren-PE. A votação para escolha dos premiados ocorreu por meio de uma plataforma online e foi auditada pela comissão responsável pela Semana da Enfermagem do Conselho. Ao todo, foram contabilizados 6.179 votos, um recorde da premiação.

Os homenageados foram indicados pelos próprios colegas de profissão e realizam trabalhos nas seguintes áreas: Assistência à saúde, que vai condecorar um(a) enfermeiro(a) e um(a) técnico, auxiliar ou parteira; Gestão, que vai ser entregue a um(a) enfermeiro(a) e; Ensino e pesquisa, que também vai condecorar um(a) enfermeiro(a). O quinto homenageado será indicado pelo Plenário do Conselho e pode ser qualquer profissional de enfermagem que atue em uma das três áreas (assistência, gestão e ensino).

Semana da Enfermagem – De acordo com o coordenador do evento, Dr. Gabriel Gomes, este ano a programação da Semana da Enfermagem foi pensada de maneira arrojada, considerando os anseios da categoria e do plenário do Coren Pernambuco. “A ideia é reafirmar o compromisso da gestão, quanto ao empoderamento profissional, o desenvolvimento e o progresso da enfermagem enquanto ciência. Então, é uma proposta que vai se estender da capital ao Sertão, passando por cidades polos, onde a gente pretende cada vez mais se aproximar dos profissionais e descobrir o que é o futuro. Além de discutir alguns aspectos relacionados à enfermagem como um todo, considerando o tema central do evento”, ressalta.

“É um momento de reflexão, aprendizado e celebração. Queremos que os profissionais de enfermagem se sintam valorizados e reconhecidos pelo trabalho essencial que desempenham no dia a dia. A cada edição deste evento, nos empenhamos para aprimorar a qualidade das atividades previstas na programação. E essa, com toda a certeza, será a maior Semana da Enfermagem promovida pelo Coren Pernambuco de toda a história”, garante Dr. Gilmar Júnior, Presidente do Coren-PE.

Programação Científica – Um dos pontos altos da Semana da Enfermagem do Coren-PE é a realização dos cursos de capacitação, palestras e debates, que este ano ocorrem entre os dias 14 a 21 de maio. Ao todo, serão disponibilizadas 2.700 vagas em encontros que serão realizados no Recife (Universidade Tiradentes – UNIT); Caruaru (Asces-Unita); Garanhuns (Faculdade Integrada CETE – FIC); Arcoverde (FIC Técnico); Serra Talhada (UniFis); Petrolina (Senac); Goiana (Faculdade de Goiana) e; Vitória de Santo Antão (Centro Universitário da Vitória de Santo Antão – Univisa), contemplando assim todas as regiões do estado.

Minimaratona do Sertão – Além da 2ª edição da Minimaratona no Recife, ocorrida no domingo (12), este ano, a programação da Semana da Enfermagem do Coren-PE vai contar com a 1ª Minimaratona da Enfermagem do Sertão, que será realizada no dia 19 de maio, às margens da orla do Rio São Francisco, em Petrolina. Assim como ocorreu na capital pernambucana, a atividade tem objetivo de incentivar a prática esportiva e a melhoria na qualidade de vida dos profissionais de enfermagem. A expectativa é que a corrida reúna 250 atletas amadores e profissionais. Todas as vagas já foram preenchidas.

“A 1ª Minimaratona do Sertão do Coren-PE, com certeza, será um marco para a enfermagem da região. Essa atividade reafirma ainda mais o compromisso da gestão em descentralizar as atividades do Conselho. A prova ocorre em uma data muito simbólica, a véspera do Dia do Técnico de Enfermagem. E nada melhor que este momento tão oportuno para que a gente possa, mais uma vez, estar cuidando de quem cuida, estimulando a prática da atividade física, promovendo esse momento de socialização com a enfermagem do Sertão, uma enfermagem firme e aguerrida e que tenha contribuído de maneira positiva e propositiva para elevar os padrões de saúde da população daquela região”, destaca Dr. Gabriel Gomes.

Encerramento – A cerimônia de encerramento da Semana da Enfermagem 2024 do Coren-PE vai ocorrer no dia 22 de maio, em um espaço de eventos, localizado no bairro de Boa Viagem. O evento será voltado para convidados e na ocasião será realizada a entrega do Prêmio Joana Barros, uma homenagem a enfermeira pernambucana que dedicou mais de quatro décadas à enfermagem obstétrica e a vida acadêmica. Em 2014, Drª Joaninha, como também era conhecida, foi agraciada com o Prêmio Ana Nery, maior condecoração oferecida a um profissional de enfermagem no país. Em 2019, ela recebeu o prêmio de título de Professora Emérita da Universidade Federal de Pernambuco, local onde trabalhou durante 42 anos.

“A expectativa é fazer uma Semana da Enfermagem cada vez mais representativa, cada vez mais inclusiva e que todos possam apreciar um pouco do que estamos planejando para a categoria. Eu considero que será, mais uma vez, um evento histórico. A intenção é cada vez mais fazer com que os profissionais de enfermagem de Pernambuco se sintam acolhidos, representados, referendados e enaltecidos pelo Conselho Regional da Enfermagem”, conclui Dr. Gabriel Gomes, coordenador da Semana da Enfermagem 2024 do Coren-PE.

Ivanete Alves do Nascimento – Nascida em outubro de 1935, na cidade de Maceió/AL, Ivanete Alves do Nascimento mudou-se para Recife, onde formou-se enfermeira, pela Escola de Enfermagem Nossa Senhora das Graças (FENSG/UPE), em 1956. Formou-se ainda em psicologia pela Universidade Católica de Pernambuco (1965), onde também concluiu o mestrado, em 73. Embora tenha atuado nas duas profissões, foi na enfermagem que Ivanete construiu uma carreira proeminente e deixou um legado poderoso para as próximas gerações. Atuou em instituições tradicionais no Recife, como o Hospital da Restauração (Pronto Socorro) e Barão de Lucena (à época, Hospital dos Usineiros), chegando a gerenciar os serviços de Enfermagem nos hospitais Getúlio Vargas e Agamenon Magalhães. Foi assessora de Enfermagem no estado de Pernambuco, atuando no Instituto Nacional da Previdência Social (INPS).

Dra. Ivanete atuou ativamente nas instituições de classe, chegando a ser Presidente do Coren-PE, da Aben-PE, e do Cofen, onde fez história, conseguindo a sansão da Lei 7.498/86 (Lei da Enfermagem), pelo então Presidente da República, José Sarney. Falecida em março de 2015, Dra. Ivanete Alves do Nascimento deixou uma marca de empoderamento para esta geração e um legado de luta e resistência, tornando-se um ícone da Enfermagem Pernambucana e do Brasil. Ivanete vive e resiste por meio de sua história e legado, nesses tempos difíceis em que a Enfermagem entrou em evidência.

Joana Barros – Joana Araújo da Rocha Barros ingressou na Escola de Enfermagem do Recife (atualmente UFPE), no ano de 1957, tendo concluído o curso de graduação em Enfermagem e Obstetrícia em 1960. No ano seguinte, foi contratada na mesma escola como instrutora e enfermeira de Campo de Ensino da cadeira de Enfermagem Obstétrica. Em 1966, foi admitida como auxiliar de Ensino da Escola de Enfermagem, tendo se aposentado, em 2003, da Universidade. Continuou voluntariamente em atividade, até o ano 2020, desenvolvendo ações e assessoramento voltados ao crescimento do Departamento de Enfermagem do CCS/UFPE, no Campus Recife.

Destacou-se pela dedicação, compromisso e competência nos cuidados dispensados às crianças e suas famílias e no ensino da Enfermagem durante 42 anos de serviços prestados à UFPE, marcando várias gerações de estudantes. Em 2014, Drª Joaninha, como era conhecida carinhosamente, recebeu o Prêmio Anna Nery, maior condecoração oferecida a um profissional de enfermagem no país. Cinco anos depois, em 2019 ela foi agraciada com o título de Professora Emérita da UFPE. Drª Joana Barros faleceu em fevereiro do ano passado, aos 82 anos.

Abrir bate-papo
Precisa de ajuda?
COREN PERNAMBUCO
Olá 👋 Podemos ajudá-lo(a) ?